Este livro, que nos surpreende, tem duas partes: na primeira, surgem pequenos poemas – mas grandes no dizer – sobre o Sol; na segunda parte, e a partir da área vocabular de Sol, os autores elaboram um divertido glossário. A nossa turma, partindo desta ideia de fazer um breviário, decidiu eleger  como tema a Escola. Aqui ficam alguns mimos dos nossos trabalhos.

 

 

BREVIÁRIO DA ESCOLA

 

Recreio

 

No recreio

Damos um passo

E vemos dois namorados

A namoriscar

Com o sol a dar

E feliz!!

 

Aulas

 

Aulas de ganhar,

Aulas chatas

Aulas rotineiras

Mas do que melhor há

São as aulas de sonhar!

 

Festa

 

Os olhos

Mostram a alegria

De uma escola diferente

 

Brincadeiras

 

Quem não sabe brincar

Não sabe estudar!

 

Dias

 

Diz-me lá

Ó domingo,

Tu nunca vais à escola?

 

Amigos

 

Multiplicam a escola

Apagam as nuvens

E são como sóis:

Nascem para todos!

 

Manhã

 

Abri a janela

Para a manhã

Que me tomou de surpresa

Na manhã da escola

Esperanças hão-de vir

E então eu direi

Sou a manhã de amanhã!

 

Testes

 

Os testes

São aqueles dias cinzentos

Não apetece sair de casa

E as nuvens acordam-me

Com os pés bem de fora!

 

 

Sol

 

Pôr do sol a chegar

Escola a terminar

Sabemos que és tímido

Mas gosto de te provocar

E no teu sono ficar!

 

GLOSSÁRIO

 

 

Professor

É um rádio ambulante; às vezes apetece

desligar, mas não tem botão off.

Colegas:

A alegria da escola! E, quanto mais dividimos,

 mais multiplicamos!

Intervalo

A melhor parte da sanduíche!

Medo

O bichinho carpinteiro dos testes.

Atraso

OH! O sol esqueceu-se de me acordar…

Cantina

Lugar onde se canta sempre que um copo cai!

Ginásio

O seu suor de satisfação!

Canteiros

O arco-íris nos jardins de cimento

Mochila

Como pôr a escola atrás das costas!

Festa

A outra escola: já te convidaram?

Portão

A entrada para o futuro.

Funcionários

Os chefes do intervalo: – Dá-me já essa bola!

Alunos

Os pilotos do sonho: – Queres sonhar comigo?

Fim-de-semana

A semana em dois dias!

Férias

São duas gémeas: a Divertida e a Pachorrenta!

Sala

Às vezes inferno, às vezes paraíso…

Livros

Tantas letras e tão poucas palavras ….

Caneta

Quanto mais feliz, mais calos nos dedos…

Lápis

O tronco da árvore que dá carvão.

Namoro

O Cupido à solta!

Brincadeiras

O sal dos amigos.

Amigos

A escola a 99,9%!

Escritor

Alguém que conhece a palavra que voa!