Este livro fala de uma família de vampiros, os Perestrelo, constituída por cinco elementos: o avô, o pai, a mãe, o Valentim e a Dentinho. A partir do dia em que o avô assistiu a uma conferência chamada “Os Vampiros Existem” nunca mais viveram em paz. Foram perseguidos durante dias por dois caçadores de vampiros chamados Medronho e Mil-Homens. Até que decidiram mudar de casa.

Na véspera de Natal, decidiram entregar a chave ao senhorio e aproveitaram para fazer as compras do jantar na “Pérola do Bolhão” (a mercearia) onde o Medronho estava de vigia para encontrar um dos vampiros e reconheceu a Dentinho e o avô. Medronho seguiu-os até casa do senhorio, onde os viu entrar para entregar a chave. Achando que tinha encontrado a casa dos Perestrelo, foi de imediato para a casa de Mil-Homens informando-o da descoberta. De seguida, combinaram então quando iam matá-los, e chegaram à conclusão que seria ao pôr do sol.

No dia seguinte, foram a casa onde o Medronho tinha visto entrar a Dentinho e o avô, mas para surpresa deles a casa era do senhorio, e por isso foram corridos.

Ao verem que os dois caçadores andavam a rondar aquela zona, os Perestrelo voltaram a sair daquela casa e ir morar temporariamente para uma pensão. Nesse mesmo dia, o empregado da pensão entregou-lhes uma encomenda que não sabia quem a tinha posto no balcão. Eles, antes de abrir a caixa, ainda pensavam que era uma bomba, mas ficaram boquiabertos quando viram o que era…

E tu, também estás curioso em saber como termina esta história?

Lê este livro que irás gostar!!

Carlos Rodrigues  5ºE