Mariana, filha única, tinha dez anos quando a sua irmã Rosa nasceu.

A partir daquele momento, teria de partilhar tudo com ela, ou quase tudo: o quarto, o carinho dos pais, o afeto da família – incluindo a Avó Elisa que desconfia do progresso da Tia Magda, que tem um dente de ouro, uma fala que mete medo e só gosta de estrelícias e antúrios. Mas pelo menos a recordação da Avó Lídia e a amizade de Rita ela não queria dividir com mais ninguém.

Será que a Rosa vai continuar a ser uma «intrusa»?

Se queres saber mais, vai à nossa biblioteca e descobrirás tudo depois de leres este bonito livro.

Diana Ferreira, 5ºD