E ra uma vez uma velha, muito velha, que morava com o seu neto numa aldeia perto da floresta. A velha, muito velha, parecia mais uma médica, pois diziam que quando alguém naquela aldeia estava doente todos iam bater à porta dela. Todos os dias a velha ia apanhar ervas à floresta para as suas curas. Um dia, uma grande camada de vento chegou à aldeia e, quando a velha chegou a casa, sentou-se perto da lareira e disse ao neto:

   – Debaixo da minha cama está uma caixa. Abre-a e traz-me o xaile de lã negra, pois só ele pode acalmar o meu frio.

   O neto fez o que avó lhe pediu; foi ao quarto, olhou para debaixo da cama e uma surpresa aconteceu estava lá um … ladrão! Só saberás o que acontece a seguir quando leres este livro. Vai a biblioteca e lá o encontrarás!

 

Viviana Ribeiro, 6º A