“James e o Pêssego Gigante”, de Roald Dahl, conta-nos a aventura fantástica que um rapaz vai viver na companhia de um pêssego gigante e dos amigos que fará ao longo da mesma.
     Mas antes desta parte emocionante da sua vida, a vida de James era muito solitária: após um enorme rinoceronte escapar do Jardim Zoológico e comer os seus pais, a personagem principal vai ficar ao cargo das suas tias maléficas, Sponge, uma mulher incrivelmente gorda parecida com um porco (comparação feita pelo próprio James) e Spiker, magra e descomunalmente alta, que usava umas lentes com aros de metal presas com uma mola na ponta do nariz.
     Ao longo desta história, vemos a fantasia criadora que este autor  nos apresenta em todos os seus livros infanto-juvenis.

José Pedro Marques, 6ºC