9724311082

   Esta história fala de um rapaz chamado Daniel. Quando ele faz 11 anos, o avô paterno vai viver para a sua casa durante algum tempo. O Daniel e o avô Teodósio foram passear pela cidade de Lisboa no seu dia de aniversário e, quando o avô viu uma estátua, lembrou-se das estátuas que existiam em Praia Redonda, sua terra natal.

O avô contou-lhe que lá existiam duas estátuas, uma do fundador da terra e outra do Leonardo, um rapaz que viveu no tempo dos reis, D. Pedro e D. Miguel (liberais e absolutistas); o rapaz era conhecido por “o menino dos piratas”.

O avô contou ao Daniel que Leonardo era um menino da sua idade, que um dia, já ao anoitecer, estava a brincar junto ao mar quando reparou que se aproximavam barcos com tropas miguelistas (absolutistas). Quando viu os barcos gritou “Piratas!!” e todos vieram ver o que se passava. E assim, as tropas miguelistas foram embora, pois pensavam que aquelas pessoas eram as tropas liberais que já sabiam que eles estavam a chegar.

Depois deste acontecimento o que será que aconteceu ao Leonardo para ter uma estátua em sua honra?

José Pedro Lourenço